Como se preparar para a Black Friday

bf

Amanhã acontece, oficialmente, a Black Friday – digo oficialmente porque muitas marcas têm oferecido descontos desde o início do mês para atrair os clientes – porém, em tempos de crise econômica/crise no varejo/consumo consciente, é preciso tomar muito cuidado para não acabar caindo na tentação de comprar coisas que depois ficarão ocupando espaço em casa, sem uso.

Antes de sair por aí passando o cartão, vale lembrar que a Black Friday nada mais é do que a celebração do consumo. Uma ideia que foi importada dos Estados Unidos, com o único objetivo de incentivar o consumismo desenfreado e descartável. Parece que estou pegando pesado? Eu sei, mas a realidade é essa mesmo e ela é insustentável. O que não significa, de forma alguma, que eu esteja aqui tentando convencer alguém a se trancar em casa e esperar que o dia termine. Não, eu realmente acredito que é possível fazer boas aquisições nessa data, desde que se tome algumas precauções para não acabar caindo em “black fraudes”. E é com esse objetivo que escrevo esse post, ajudar você a se preparar para o dia de amanhã!

Uma dica que parece óbvia, mas quase ninguém faz é: dê uma boa revisada no seu guarda-roupa, analise tudo o que você tem, o que usa mais, o que não usa e o que está abandonado lá no fundo, mas pode ser resgatado. Feito isso, faça uma lista com as suas reais necessidades. Desse jeito fica muito mais fácil resistir a itens desnecessários e focar a sua busca. Outra dica valiosa é exatamente em relação à busca: pesquise muito antes de comprar. Geralmente, eu inicio as minhas pesquisas bem antes da data da compra, vou acompanhando dia a dia as variações de preço, até descobrir o REAL preço do produto – mesmo fora da Black Friday, o que mais tem é marca que coloca um valor absurdo e finge que está dando desconto. Estamos de olho! O site Buscapé é muito amigo desse tipo de pesquisa, eu uso pra tudo.

Após fazer suas pesquisas, avalie o quanto o desconto da Black Friday está compensando. A maioria das marcas libera, durante o ano todo, cupons de desconto ou códigos promocionais e, muitas vezes, eles são tão ou mais atrativos que os descontos da BF. Se um dos produtos que você planeja comprar, se enquadra nessa categoria, risca ele e prioriza o próximo. Assim você não cria um rombo tão grande no seu orçamento.

Não caia na roubada de comprar algo que não te serve. É muito comum as pessoas nessa época comprarem peças que não servem para “aproveitar” o preço. Gastar seu dinheiro com uma roupa que não entra, ou sobra, em você não é aproveitar nada, é pura e simplesmente jogar dinheiro fora. A promessa de emagrecer para entrar na roupa é absurda e gastar mais, pagando costureira, para ajustar uma peça que, provavelmente, não vai ficar como você imaginou é, além de frustrante, acabar com o objetivo inicial de economizar.

A Black Friday é o momento ideal para você ir atrás daquela peça que sempre quis, mas estava fora do seu orçamento, não para pegar todas as suas economias e se enforcar só pelo prazer de voltar para casa cheia de sacolas – e sim, eu sei o quão prazeroso isso é, mas também sei o quanto esse prazer momentâneo pode se transformar em um grande problema. Portanto, crie um roteiro consciente de compras e aproveite as ofertas com equilíbrio, para que os dias seguintes não sejam de dor de cabeça, mas de satisfação por ter feito a coisa certa!

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s