Moda de dentro

Chegou mais uma sexta-feira, dia de indicações aqui no blog. Se inspirou com as sugestões da semana passada? Olha lá hein! Eu sei que na correria do dia-a-dia acabamos ficando sem tempo para fazer tudo o que gostaríamos, mas cuidar de nós mesmas é tarefa das mais importantes e isso não significa apenas estar linda, cheirosa, sarada e na última moda, precisamos cuidar da mente também. Tem uma frase que eu ADORO que diz, “você sempre vai estar elegante se a sua biblioteca for maior que o seu guarda-roupas”.

É bem por aí, e é fundamental ter conhecimento sobre assuntos variados na criação da nossa identidade. Só juntando nossos gostos com as nossas experiências conseguimos contruir uma imagem real de nós mesmas.

Bom, mas vamos ao que interessa. Nas dicas de hoje tem até referência de como eu queria estar vestida esse fim de semana. Ai, ai, que delícia de preguiça!

murall

 

Literatura: Já leu Confidencial, da diva-mor Costanza Pascolato? Faz tempo que eu queria ler e sempre acontecia alguma coisa e eu acabava adiando. Pois bem, consegui, finalmente. Foi meu primeiro livro de dezembro. Leitura fácil, gostosa e leve. Costanza imprime tanta personalidade e gentileza nas suas palavras que é impossível não se encantar por ela – eu já era encantada, agora quero ela pra mim, pode? Consegue mesclar o profissional com o pessoal em suas dicas, de uma maneira tão natural que, por vezes, parece realmente mais um livro de confidências do que qualquer outra coisa. Super indico, nossa papisa da moda é ótima companhia para esse fim de semana.

Filme: Pegando carona em ícones de estilo, “Bonequinha de luxo”, com a mulher mais elegante da história – em minha opinião, ok? – Audrey Hepburn. O filme, baseado em um livro homônimo de Truman Capote, é lindo, bem produzido, bem dirigido, com uma trilha sonora vencedora de Oscar. Daqueles que a gente assiste várias vezes ao longo da vida e a cada vez, gosta mais. Audrey consegue transformar a personagem Holly Golightly em uma lady, completamente diferente do que seria, caso Marilyn Monroe tivesse aceito o papel – ela foi convidada, mas desistiu. Vale a pena “perder” algumas horinhas do fim de semana assistindo.

Exposição: Acontece até o dia 12/01/14, no MIS – Museu da Imagem e do Som – a exposição “Stanley Kubrick”. Bom, acho que nem preciso explicar o quanto vale a visita, né? Spartacus, Lolita, Laranja Mecânica, 2001: uma Odisseia no Espaço, O iluminado, De olhos bem fechados… Se convenceu?

Essas são as minhas sugestões para esse finde. São todas escolhas leves e gostosas, pra edificar sem fazer esforço. Bem no meu mood de hoje. Caso siga alguma, quero saber depois o que achou, ok? E bom fim de semana preguiçoso!!

Anúncios

Um comentário sobre “Moda de dentro

  1. Pingback: TGIF |

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s